Hoje é 20 de Maio de 2018

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca geral no site:

Cadastre seu email

   
Sondagem Indstria da Construo de Mato Grosso - 03/2018
  Pesquisa realizada pela CNI, em parceria com a Fiemt.
Sondagem Industrial de Mato Grosso - 03/2018
  Pesquisa realizada pela CNI, em parceria com a Fiemt.
Publicação
 
 
'Mato Grosso prioridade', diz ministro da Indstria
Em: 26/01/2018 às 13:32h por Assessoria de Comunicao - Sistema Fiemt

Foto

"O Senai tem função muito importante no Brasil e em Mato Grosso, pois não podemos pensar em transformação do país senão através de uma educação forte”, disse o ministro interino da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge de Lima, durante a inauguração do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai MT) em Rondonópolis, nesta quinta-feira (25/01). Com a nova estrutura, o Senai Rondonópolis dobrou sua capacidade de atendimento para 1.633 estudantes por turno, em 21 municípios. 

Conforme o ministro, é preciso estimular que as exportações sejam cada vez mais com valor agregado. “Precisamos de commodities e aumentar nossa produção, mas também qualificar mão de obra, unida ao setor produtivo. Assim, será possível fazer a transformação daquilo que é produzido em Mato Grosso”, disse o ministro, que destacou ainda a relevância da participação de Rondonópolis no Produto Interno Bruto (PIB) do estado. 

Sobre as demandas do setor industrial mato-grossense, especialmente relacionadas à logística, o ministro foi enfático: "Para o Ministério da Indústria, Mato Grosso é prioridade".

O governador de Mato Grosso, Pedro Taques, também participou da cerimônia e ratificou a importância de avançar mais. “Precisamos fazer com que o que produzimos seja industrializado para ser exportado. Para isso, precisamos superar desafios, preparar as pessoas para um outro momento que o Estado viverá. Esta nova unidade do Senai vai preparar as pessoas para o futuro”. Durante a cerimônia, também foi firmado convênio entre o Senai e o Governo do Estado para a realização de cursos de qualificação profissional na área da construção civil.

Aumento da competitividade

Apenas uma pequena parcela da juventude no Brasil vai para a universidade e um grande contingente de jovens no Brasil precisa de oportunidade. Para o diretor-geral do Senai no Brasil, Rafael Lucchesi,  a educação profissional é uma grande oportunidade.

“E o Senai faz isso há 70 anos. O Brasil não teria feito a revolução industrial que fez na segunda metade do século passado se não fosse o Senai. Conseguimos nos modernizar e nos tornar mais competitivos por causa do Senai. Rondonópolis tem um destino como grande polo do agronegócio, e a industrialização vem agregando valor, riqueza e oportunidade a isso”.

A industrialização aumenta a geração de trabalho, a arrecadação, incentiva o crescimento da economia e a melhoria da qualidade de vida da população, na avaliação do presidente do Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Sistema Fiemt), Jandir Milan. “É por acreditar em Rondonópolis que o Senai faz questão de estar na vanguarda do desenvolvimento da indústria na região. A educação profissional e o portfólio de serviços oferecidos pelo Senai têm tudo para impulsionar a competitividade da indústria”.

Ao todo, foram investidos R$18 milhões em obras, equipamentos e mobiliário para atender â demanda de 18 indústrias de grande porte, 57 de médio e 3.393 de pequeno e micro porte na região de Rondonópolis, principalmente nas áreas de alimentos e bebidas, infraestrutura, eletricidade, gás, entre outros segmentos.

Rondonópolis como referência em educação

Para o prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio, Rondonópolis está se tornando uma referência em educação e polo de desenvolvimento. “Agradecemos por receber este prédio como presente e alternativa para nossos jovens, como os que representaram Mato Grosso na competição internacional Worldskills, em Abu Dhabi, ganharam medalha de ouro e puderam mostrar sua capacidade e desenvolvimento”, destacou.

Durante a cerimônia, houve ainda a posse da nova diretoria do Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico da Região Sul do Estado de Mato Grosso (Sindimec Sul MT), Sindicato das Indústrias da Alimentação da Região Sul do Estado de Mato Grosso (Siar Sul MT) e Sindicato das Indústrias da Construção da Região Sul do Estado de Mato Grosso (Sinduscon Sul MT).

Vagas abertas

Com a inauguração, a unidade já está com 500 matrículas abertas em cursos técnicos como Segurança do Trabalho, Eletrônica, Eletrotécnica, Mecânica e Mecatrônica e ainda de Torneiro Mecânico ,Operador de Empilhadeira, Padeiro, Eletricista de Manutenção Industrial, entre outros.


Confira as fotos aqui.

 
Imprimir   Enviar por e-mail

 

Comentrios()


Campo obrigatrio.


Campo obrigatrio.Formato invlido.


Campo obrigatrio.


Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá - MT / CEP 78049-940 | Fone: (65) 3611-1500 / 3611-1555