Hoje é 25 de Maio de 2018

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Busca geral no site:

Cadastre seu email

   
Sondagem Indstria da Construo de Mato Grosso - 03/2018
  Pesquisa realizada pela CNI, em parceria com a Fiemt.
Sondagem Industrial de Mato Grosso - 03/2018
  Pesquisa realizada pela CNI, em parceria com a Fiemt.
Publicação
 
 
FIEMT consegue sentena contra cobrana da Taxa de Servios Estaduais
Em: 09/05/2018 às 17:28h por Assessoria de Comunicao - Sistema Fiemt

Foi publicada ontem (09) a sentença favorável à Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt) contra a exigência da Taxa de Serviços Estaduais (TSE) sobre a recepção, processamento e resposta a solicitação de cancelamento extemporâneo de nota fiscal eletrônica (NF-e), Conhecimento de Transporte eletrônico (CT-e) e nota fiscal de consumidor eletrônica (NFC-e). A sentença confirma decisão liminar de 2014, porém ainda é passível de recurso.

Em 2014, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) já havia dado ganho de causa à Fiemt contra a TSE, até então exigida pela Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz) quando da emissão de documento de arrecadação para o pagamento de qualquer tributo estadual (ICMS, IPVA, FETHAB, ITCMD etc).

Porém, ainda em 2014 a Sefaz publicou uma portaria, exigindo TSE a cada vez que uma indústria solicitasse a emissão ou cancelamento de NF-e, CT-e ou NFC-e. O valor da taxa é de 0,2 UPFMT – o que equivaleria a R$26,17, considerando o valor atual da UPFMT, que é de R$130,86.

A portaria motivou a Fiemt a impetrar Mandado de Segurança Coletivo, conseguindo em setembro de 2014 a decisão liminar que suspendeu a exigência da taxa – agora confirmada pela publicação da sentença.

 
Imprimir   Enviar por e-mail

 

Comentrios()


Campo obrigatrio.


Campo obrigatrio.Formato invlido.


Campo obrigatrio.


Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá - MT / CEP 78049-940 | Fone: (65) 3611-1500 / 3611-1555